Seguidores

Quem sou eu?

Minha foto
Com o tempo a gente aprende que errar é humano, que todos nós erramos e que as vezes mesmo certos temos que abaixar a cabeça e pedir desculpa; E que as vezes é preciso ouvir o que as pessoas tem a dizer; Com o tempo aprendemos a jogar nessa vida, aprendemos que a cada tombo é preciso levantar de cabeça erguida; Aprendemos que nem todas as manhas são de sol, e que nem sempre tudo na vida é como nós queremos; Com o tempo conhecemos pessoas, e descobrimos sentimentos; Com o tempo aprendemos a dar valor a cada segundo que temos, pois aprendemos que em um segundo tudo pode mudar; A vida passa e descobrimos quem são nossos amigos verdadeiros; e as vezes que pessoas desconhecidas te valorizam mais, do que as que estão todos os dias com você; Com o tempo a gente erra mais também acerta e mais cedo ou mais tarde, a gente aprende que temos que aceitar cada um como é. E que ninguém é melhor do que ninguém pelo menos nessa vida; Com o tempo a própria vida vai ensinar como viver.

forms (: _pergunta pra mim ?

Tecnologia do Blogger.

Pesquisar este blog

RSS

Ser Fã

Afinal o que é ser fã?

Ser fã não é apenas saber tudo sobre os nossos ídolos;
Não é saber os detalhes da sua vida privada;
Não é apenas conhecer todas as suas obras e trabalhos;
Não é apenas ver e rever constantemente tudo o que está relacionado com eles.
Ser Fã, Fã de verdade, é muito mais do que isso.
Ser Fã é rir e chorar;
É sofrer e festejar;
É apoiar e lutar com todas as forças pelo sucesso de quem admiramos;
É estar sempre com eles, nem que seja apenas em pensamento;
É amá-los, venerá-los, admirá-los como a mais ninguém;
É sentir a força e as mensagens que eles nos transmitem;
É defendê-los até ao fim, contra tudo e contra todos;
É apoiá-los e gostar sempre deles, independentemente dos seus defeitos e dos boatos sobre eles;
É considerá-los como pessoas normais e ao mesmo tempo considerá-los superiores aos outros;
É trazê-los sempre no coração.

A relação entre um fã e um ídolo é muito maior do que se possa imaginar, pois embora não se conheçam e mesmo que nunca se tenham visto, a relação de cumplicidade nunca morrerá.

Quem não é fã de alguém, não pode entender isto. Há quem seja fã da mãe ou do pai, da avó ou da tia, mas mais do que isso é ser fã de alguém que nunca vimos na vida. Como pode ser isso possível? Pode parecer que não, mas é. Há pessoas que nunca poderão compreender isto.

Mas para que interessa o que os outros pensam? Não contribui para a minha felicidade.
Podem criticar, podem gozar, podem dizer que vivo rodeada de sonhos e ilusões. Essa é a minha maneira de procurar a felicidade. A realidade não me faz feliz. E sei perfeitamente que por mais que procure a felicidade num outro mundo, nunca a encontrarei.
Mas sonhar é essencial, sonhar é necessário. E eu preciso tanto. O que seria eu sem os meus sonhos? Uma pessoa vazia, «oca», que vive acorrentada à realidade, pensando no ontem e a realizar o amanhã. Não gosto de pessoas demasiado «presas à terra», porque eu não consigo ser assim e irrita-me que me incomodem quando estou no meu próprio mundo em busca de alguma paz de espírito!
Será que posso esquecer a realidade por uns segundos? Será que posso fugir daqui por alguns momentos? A realidade para mim é um pesadelo. Apenas isso.

Eu sonho. Eu tenho sonhos. E apesar de a vida nos fechar muitas portas, muitas vezes abre-nos uma janela. Será que vale a pena sonhar? Claro que sim. Eu sempre acreditei que sim. Até o mais imprevisível dos sonhos pode realizar-se. Eu quero acreditar que sim porque não me contento em desistir. Nada é impossível.


Pois só quem sonha consegue alcançar”.

eu te amo com todas as minhas forças, ♥



  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

0 comentários:

Postar um comentário